Pobreza e exclusão social em Portugal: do passado recente ao momento atual/Relatório 2020

Pobreza e exclusão social em Portugal: do passado recente ao momento atual/Relatório 2020

Autores/as

Observatório Nacional de Luta contra a Pobreza

Sinopse

“A pandemia causada pelo SARS-COV-2 (COVID-19) veio transformar a situação de pobreza e exclusão social em Portugal. Após a crise económica e financeira, a população em Portugal começava a recuperar rendimentos e o desemprego diminuía significativamente.

Editora

EAPN Portugal e Observatório Nacional de Luta contra a Pobreza

Sobre

A evolução dos dados do ICOR demonstra uma redução claramente positiva da pobreza ou exclusão social entre 2013 e 2019. Mas estes dados demonstram também as fragilidades desse processo de retoma, onde alguns grupos mantinham níveis de vulnerabilidade à pobreza ou à exclusão social ainda demasiadamente elevados. Olhar para os dados do ICOR2019, mesmo que estejam desatualizados face ao novo contexto de crise económica despoletada pela pandemia, permite-nos olhar para as vulnerabilidades da sociedade portuguesa e perceber onde a atual crise terá potencialmente os impactos mais graves.

Portugal manteve, em 2019, a mesma taxa de risco de pobreza ou exclusão social registada em 2018: 21.6%. Cerca de 2 215 mil pessoas estavam em risco de pobreza ou exclusão social, sendo que 80% estavam em risco de pobreza monetária, 21% viviam em agregados com intensidade laboral muito reduzida e 26% encontravam-se em situação de privação material severa. Em 2019, cerca de 85 mil pessoas acumulavam estas três vulnerabilidades.”

(in Sumário Executivo)

Data de edição

Outubro, 2020

N.º de páginas

42

Suporte/Formato

Publicação

Um recurso da entidade

EAPN - EAPN Portugal - Rede Europeia Anti-Pobreza
Porto

Classificado em

Economia Social e SolidáriaExclusão Social e Luta Contra a PobrezaSaúde

Ficheiros: