Trabalho e desigualdades no grande confinamento - Perdas de rendimento e transição para o teletrabalho

Trabalho e desigualdades no grande confinamento - Perdas de rendimento e transição para o teletrabalho

Autores/as

Pedro Adão e Silva, Renato Miguel do Carmo, Frederico Cantante, Catarina Cruz, Pedro Estêvão, Luís Manso e Tiago Santos Pereira

Sinopse

Este estudo analisa indicadores de caracterização do mercado de trabalho português, cruzando-os com alguns elementos que já são conhecidos sobre a situação atual, para traçar um quadro das dinâmicas em curso, assim como das vulnerabilidades particulares, enfrentadas por grupos específicos de trabalhadores e empresas. Este exercício permite estimar quais estão a ser e quais vão ser os segmentos da força de trabalho mais afetados e de que forma o padrão de desigualdades preexistente se transformará.

Editora

CoLABOR
2020

N.º de páginas

38

Suporte/Formato

Publicação

Um recurso da entidade

CoLABOR - CoLABOR - Laboratório Colaborativo para o Trabalho, Emprego e Proteção Social
Lisboa

Classificado em

Economia Social e SolidáriaCidadania e ParticipaçãoExclusão Social e Luta Contra a PobrezaLaboral/Sindical

Ficheiros: